quarta-feira, 18 de outubro de 2006

No segundo turno, eleitor poderá votar a favor ou contra Aidemin ou Lulla

TSE: “Além do ‘voto’ haverá também o ‘veto’, para que o eleitor possa expressar democraticamente sua verdadeira vontade”
DA URNA ELEITORAL

O TSE (Tribunal do Saco Escrotal) surpreendeu hoje ao anunciar mudanças no processo de eleição a menos de duas semanas do pleito. “Decidimos instituir uma nova modalidade de voto: o veto”, bocejou o presidente do TSE Mário Eurélio Gracinha.

“O eleitor terá agora a oportunidade de ‘votar contra’ um candidato, usando o ‘veto’ em vez do ‘voto’”, espreguiçou o ministro. Um “veto” vale “-1 voto”, ou seja, anula um voto do candidato que o eleitor pretende vetar.

Segundo Mário Eurélio, a mudança foi motivada porque o segundo turno deixou poucas escolhas para os eleitores. “O eleitor só pode votar em branco, anular, ou pior, votar num daqueles dois. Esse cerceamento da liberdade de opção não é democrático. Com o veto, o eleitor pode expressar democraticamente sua verdadeira vontade”, pestanejou. Com o novo sistema, o vencedor da eleição será o candidato que receber o maior número de votos válidos ou o menor número negativo de votos - caso o número de vetos supere o de votos.

Ex-Vote
Para que a mudança de regra possa ser aplicada ainda nessa eleição, o TSE contratou a empresa Ex-Vote, que atualmente conduz o animado processo eleitoral equatoriano, para fazer a reformulação das urnas eletrônicas. “Optamos por uma empresa brasileira, que não desiste nunca”, concluiu Gracinha, numa referência à velocidade de ação da companhia.

O Sindicato de Mesários, Secretários e Presidentes de Mesa Eleitoral (Sindimesa) protestou contra a medida – que pode causar atrasos e confusão de eleitores – e aprovou um indicativo de greve geral a partir de novembro contra a nova lei.

4 comentários:

Paulinha disse...

Ahhhh, você tinha que ter dado o crédito do clero luziense pro "Aidemim", JR! Tá doido por uma greve de mesários, né? Em vez de se orgulhar de poder participar o dia inteiro da festa da democracia...
Beijo!

Anônimo disse...

Acho que já temos o professor da disciplina "Photoshop Journalism: A Experiência Brasileira".

Anônimo disse...

Sensacional!!!!!!!

annie disse...

Adorei! Sou 100% a favor do Veto!

E amei o nome da nova disciplina obrigatória a ser ministrada na ECA. Hahahaha! :P